Críticas – Segunda semana do Festival do Rio

Mais uma semana de Festival e mais uma vez eu decepciono e só tenho três filmes pra comentar, pois foi tudo que vi essa semana. Não sou mais a Wicked Rafinha de outros tempos, que via de três a quatro filmes por dia! Mas tudo bem, eu to compensando em casa, onde minha média em relação ao ano passado subiu bem. Esse ano já foram 155 filmes em casa (contra 130 do ano passado), e ainda tenho bastante tempo pra encher essa listinha. Mas vamos ao que interessa, os filmes da vez:

1. Adam (2009) de Max Mayer

adam_filmstill1

Já fazia um tempinho que eu tinha em mente ver esse filme, tanto que quando vi que ia passar aqui no lugar onde trabalho, deixei programado pra ver desde o dia 0, rs. E fiquei feliz de ter visto, realmente é uma fofura, e eu estou apaixonada pela Rose Byrne (mais conhecida como a advogada de Damages – que eu ainda não vejo), que pra mim foi separada no nascimento da mamãe dela: Isabelle Adjani (rs). Depois eu faço um post próprio pra isso, mas agora vamos voltar ao filme: Adam é um rapaz que acaba de perder o pai e sofre de Síndrome de Aspargos (ou algo parecido, rs). Beth é uma (linda) aspirante a escritora infantil, que no momento trabalha como professora de pentelhinhos, e acaba de se mudar pro prédio de Adam. É assim que eles se conhecem e a história realmente começa. O filme é delicado, as atuações são muito boas, no tom certo, e te deixam com aperto no coração por te lembrar no final das contas que o “bom filme” é o “filme verossímil”, pelo menos nesse gênero. Na maioria dos casos, pelo menos.

Nota: 8,0

2. (500) dias com ela (500 Days of Summer) de Marc Webb

500_days_of_summer_

Eu sabia, eu sabia, eu sabia… que esse filme ia ser foda e marcar minha vida (amorosa). E era verdade. Depois dessa, entrou pra Trilogia Rafinha. Sim, minha trilogia pessoal agora possui quatro filmes, e ficou desestabilizada porque eu não sei onde eu encaixo ele, se antes ou depois do Sonhando Acordado (La science des Rêves do Michel Gondry). Mas o filme me deixou em pedacinhos… Mesmo com o final “up” eu sai do filme me sentindo down como não me sentia ha tempos. Summer Finn me lembrou muito uma fase da minha vida, e tudo o que eu queria no final do filme era levar o Joseph Gordon Levitt pra casa e ficar eu e ele contra o mundo. Nada disso, acabei ficando só com minha comunidade “I’m a little bit Tom Hansen”, e se não entendeu, vai ver o filme!

Nota: 9,5

3. Histórias de amor duram apenas 90 minutos (2009) de Paulo Halm

13_2318-caio-maria-luz

Eu não deveria dizer isso, mas quem liga pro filme depois de um curta como Silnedafil (2008) de Clovis Mello? Sério, o curta é absurdamente hilário, com um elenco desconhecido (pelo menos pra mim) mas que deu show e roubou o spotlight de Caio Blat, sua mulher Maria Ribeiro e a fofíssima (pra não dizer, também, gostosíssima) Luz Cipriota. O curta mostra um casal na crise tentando usar o viagra pra ter uma noite de muita p-e-n-e-t-r-a-ç-ã-o! E é isso que eu adoro no filme, a maneira solta e clara de se falar de sexo, de cocô, de tudo. A platéia foi ao delírio, num Odeon lotado (ou como diria o Wicked Fil “lotado era o Odeon com 30 pessoas a menos)!

Quanto ao longa, eu achei que diverte. O filme conta a história de Pedro, aspirante a escritor, mas que não sai da página 50, e que começa a desconfiar que sua mulher está se envolvendo com uma amiga. O corno manso, como ele mesmo se denomina, acaba se apaixonando pela tal amiga, e daí vai rolar muita putaria. Depois eu posto um trailer aqui ou algo do gênero…

Melhor coisa desse dia no cinema, foi que a família Wicked se reuniu mais uma vez, e todos meus irmãozinhos poderão comentar aqui depois o que acharam desse dia.

Nota: 6,0

Uma resposta a Críticas – Segunda semana do Festival do Rio

  1. ftostes diz:

    Os dois primeiros eu to querendo ver a séculos. Acho que você que fica me passando esses trailers de amores bizarros e não-convencionais. Mas vou esperar pacientemente estrear. O foda é que me proibiu de ver nos eua e depois foi ver sem mim, né? humpf, beleza, nem fiquei sentid… snif

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: