Crítica – Sempre ao seu lado (2009)

Confesso que não tava nem querendo ver esse filme. Vi o trailer 15 vezes, e sempre pensei que história triste com cachorrinho já era tãaao 2008 que eu podia passar reto. Mas fui convencido como parte do projeto de socialização a ir ao cinema assistir Hachi! E tenho que dizer, é bem fofo. Me lembrou muito os cachorrinhos que tive, pequenos Huskys Siberianos com instintos indomáveis de lobo, simplesmente adoráveis.

Hachi é um doginho dos mais fofos, que encontra o Richard Gere quando está perdido na estação. Moral da história, não se sabe quem acha quem, porque começa aí uma linda história de amor incondicional, do tipo que só existe com um cachorro mesmo (bitter much?). Mas o fato é que Hachi vai te conquistando, apesar da direção piegas (o que esperar do gênio de mão leve que fez Shipping News e The Cider House Rules, né?) e do roteiro que fica esbarrando em clichés. Quando a Joan Allen, tentando dar o cachorro, percebe que o Richard Gere vovôzão já se apegou ao filhote, e fala no telefone que ele já tem dono, eu jurava que ia vomitar no chão do cinema. Mas ainda assim, a história cativa. Só que como o trailer já indica que o filme é meio triste, eu ficava a todo momento esperando uma desgraça aparecer. Umas duas vezes jurei que Hachi seria atropelado por um trem. Que nervoso.

Mas o bacana do filme está na relação do cachorro com seu dono. Faz refletir (mas só se você quiser, e recomendo) nas relações humanas, em como a gente coloca problemas, e questões, e esquece de emoções tão básicas, que a gente precisa de um animalzinho fofo e peludo pra nos lembrar. Me deu vontade de sair e comprar um cachorro correndo. E jurar ama-lo para todo sempre. E depois abraça-lo, e espremê-lo, e não deixar ele respirar de tanto amor e carinho. (#FeliciaFeelings). Me deu saudade da Hussy e do Wolf (esse último, esperava meu irmão na varanda que nem o Hachi… I wonder como ele estará naquela fazenda que minha mãe mandou? Vou ligar pra ela)

Filme bom pra ver com a mãe, com dog lovers, e uma caixa de lenço de papel. Não quero dizer nomes, mas quem estava comigo no cinema se debulhou em lágrimas e depois não me deixou tirar foto. rs

Dedico esse post a Hussy e o Wolf. Saudades dos meus cachorrinhos!

Nota: 6,5

7 respostas a Crítica – Sempre ao seu lado (2009)

  1. Julie diz:

    Eu posso dizer que não vou ver esse filme porque filmes tristes com cachorros me fazem ficar deprimida?

    Assim, eu AMO cachorro, não dá pra controlar, eu choro em todos eles e a não ser que eu ganhe convites pra ver esse filme, essa que vos fala não vai ver esse filme pq tem medo das suas próprias emoções, hahahahaha

    Sério, eu fico toda mongol… larguei Marley e eu no meio pq já tinha lido o livro e só de pensar no livro eu choro… Todos os cães merecem um céu acabou comigo e histórias com cachorros mesmo que engraçadinhas..

    beijos, amigo

  2. Julie diz:

    Aaah! Vamos então!!!! Por mim você podia ir comigo numa boa! Ir com amigos é legal mas amigos fazem meio falta hehehehe

    Estou melhor sim, no final não foi gripe nenhuma foi só minha alergia querendo brincar com a minha cara… ninguém merece….

    beijos

  3. Eu quero ver esse filme. Só não sei se vou ao cinema vê-lo porque certamente vou me debulhar em lágrimas… E até porque vc era minha cia pra um filme como esses e agora não tenho ninguém! (drama queen, just kiddin)

  4. Bruno diz:

    Auhauahauhaauhauha. Chorei meeeesmo!!! E continuei chorando em casa! E vc não aprendeu nada com o filme. Saiu com vontade de comprar um cachorro??? Amizade não se compra!!! Nem de animais!😉 Adote um😉 soh pra encher mesmo. Bjos

  5. Para começar ele falou que Hachi e Huskys Siberianos, mas so que ele é da raça akita, mas deixando isso de lado eu adorei o filme chorei no cinema e choro ate hoje quando lembro do filme. Para mim aquele foi o melhor filme que eu ja vi

    • ftostes diz:

      Humm, desculpe Thamires mas em momento algum disse que o Hachi é um Husky. Eu disse que me lembrava meus cachorros, esses sim Huskys Siberianos, pelo jeito indomável. Mas que bom que gostou do filme.

  6. dayla diz:

    eu sou doida poor cachorro mais acontece q esse filme e muito triste sabe

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: