Crítica literária – A insustentável leveza do ser

Posso dizer com certeza que meu ano literário não podia ter começado melhor. A insustentável leveza do ser é possivelmente a maior obra-prima de Milan Kundera, a não estou exagerando ao dizer que possivelmente é o melhor livro que já li. Se não é o melhor, certamente é um dos, e já estou prevendo sua medalha no top de livros de 2010. Esse é o nivel de admiração que sinto pelo livro.

A história passeia pelas vidas de Tomas, Teresa e Sabina, com alguns coadjuvantes permeando de vez em quando, inclusive o próprio autor, que se faz presente em momentos de embates filosóficos. E pra mim esse é o grande trunfo do livro, a maneira como ele filosofa sobre temas como leveza e peso (Parmênides), compaixão, e o eterno retorno (Nietzsche). A intensidade dos protagonistas é paupável, e faz com que a reflexão do próprio eu esteja sempre em pauta. Realmente acredito que um livro pode mudar a vida de uma pessoa, pesando em sua maneira de se comportar diante de escolhas. E como o próprio Kundera ressalta, a vida é um rascunho, não temos nunca como saber se a decisão que tomamos foi a certa, pois nunca poderemos voltar no tempo e comparar com o caminho alternativo. A vida, segundo ele, não tem ensaio. Brilhante!

O livro foi escrito em 1984 e demorou 4 anos para ser levado as telas do cinema pelo diretor Philip Kaufman e, apesar do elenco estelar (Daniel Day Lewis, Juliette Binoche e Lena Olin), e suas boas críticas, foi considerado uma grande decepção pelo autor. Depois dessa experiência, proibiu que seus livros fossem filmados. E sinceramente, concordo. Eu assisti o filme antes de ler o livro, e mesmo assim, que absurdo! Pra mim a maior injustiça foi contra a personagem Teresa, que no livro é de uma intensidade que te leva as lágrimas, e no filme não passa de uma mocinha frágil.

Esse livro é um festival de “quotes para a eternidade”. Fiquei com vontade de sublinhar no próprio livro, mas isso vai contra meus princípios de livros imaculados. Recomendo a todos a leitura. Definitivamente.

obs: Uma pena que a versão pocket da Companhia das Letras tem dois momentos de tradução lixão, confundindo os gêneros da cadela Karenin e Adão, o da folhinha.

6 respostas a Crítica literária – A insustentável leveza do ser

  1. ftostes diz:

    Ahhhh, fiquei com invejinha! Quero ler livros que mudem a minha vida em horas de tomar decisões! snif

  2. steptwin diz:

    Meu livro preferido, sem dúvidas. E eu já fiz um post de quotes para a eternidade dele😛 aqui ó https://wickedtwins.wordpress.com/2009/09/22/so-long-farewell/

  3. Ah sim!! Eu não lembrava das quotes porque não quis spoilerar minha possível futura leitura na época. Mas realmente, esse livro são quotes e mais quotes pra eternidade🙂

  4. romulo diz:

    li tem um tempo, mas sem duvida pra mim é um dos melhores! bjos saudosos

  5. jackie bla diz:

    ah.. já li esse livro umas três vezes. meu livro de cabeceira total🙂 e qdo vc menciona que o milan diz que a vida é um rascunho, na verdade eu penso diferente: a vida NÃO é um rascunho. justamente pq não podemos fazer de novo. alias, manoel de barros no filme só 10% é mentira já mencionou algo do tipo (de quando diz que a palavra falada não tem rascunho) hehehe e John Garder, no livro Grendel, menciona que “tudo desaparece: as alternativas excluem”! cara, sensacional essa frase. acho até de mais impacto do q a do milan! uma decisão invariavelmente envolve renúncia, cada escolha elimina outras opções.. por isso q a vida n é um rascunho. n dá p voltar atrás.. (GENTE, FILOSOFEI AGORA SEM ESTAR BEBADA.. CUMAAA?)

  6. […] li essa crítica do livro e assino embaixo: https://wickedtwins.wordpress.com/2010/01/11/critica-literaria-a-insustentavel-leveza-do-ser/ Partilhar isto:EmailTwitterFacebookGostar disto:GostoBe the first to like this artigo. Esta […]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: