Crítica Literária – The Lovely Bones

Ontem acabei de ler The Lovely Bones, livro que estava no top 5 da Wicked Sis no passado (pra ver os outros, clique aqui). E o impressionante foi que demorei quase 1 mês para lê-lo. Vocês devem estar pensando: Que bosta que deve ser então! Mas é bem o contrário.

Pra quem não viu o filme ou não leu o livro, é a história de Susie Salmon, uma menina de 14 anos que começa morta desde a primeira página. Ela foi brutalmente estuprada e assassinada num milharal perto de sua casa por um serial killer. Forte, né? O livro é todo em primeira pessoa, com a Susie contando do paraíso dela o que aconteceu e o que se passa na vida que segue.

Odeio a expressão soco no estômago. Normalmente consigo manter uma distância do que leio e assisto pra não me deixar envolver de forma tão física. Mas esse livro… puta que pariu. Vamos começar com uma criança contando sobre como seu mundo é legal, e como ela está apaixonada, e tem vontade de fazer tanta coisa com a vida, e tem tanto a aprender até que alguém te assassina brutalmente e você quer sair tanto daquela situação que seu espírito sai correndo do seu corpo. E embora o céu seja exatamente como você gostaria que fosse, você nunca vai vivenciar aquilo. E ainda vai assistir a todos na Terra passando por todas aquelas experiências, e ficar feliz por elas, mas terrivelmente triste por saber que aquilo nunca vai te pertencer.

Parece horrível? Não é o pior. Acompanhar a família, o pai que não consegue superar a morte da filha, que se afasta de tudo e de todos. Da irmã que vira uma sombra da filha que morreu, e sofre com a perda e com a vida que segue. Da mãe que sente remorso por nunca querer ter sido mãe e acha que está sendo culpada por isso, e decide abandonar tudo. Do irmão que tem que cuidar do pai, e principalmente cuidar das ausências, dos vazios, dos buracos.

A família inteira não consegue move on. Se apegam a Susie tentando achar o assassino, tentando achar seu corpo, ao ir pra escola, ao fugir, ao preservar seu quarto, ao se preocupar se algum dos outros filhos ainda não chegou em casa, ao olhar pela janela e ver um vulto, ao ver uma menina com seu irmão e pensar no que está sendo perdido. E eu confesso que tive o mesmo efeito. I couldnt let Susie go. E por isso enrolei pra terminar o livro. Li diariamente, mas bem pouquinho. Era reconfortante ter ela ali, saber de sua presença. Mas ontem eu terminei. E confesso que fiquei feliz. Triste e feliz. É um ótimo livro, eu recomendo.

O filme não é maravilhoso, mas me ajudou muito pensar na Saoirse Ronan como Susie Salmon. Eu me importava desde o início, e o livro constrói bem sua vida antes de ser assassinada. Rachel Weisz é perfeita pra alguém descrita como Ocean Eyes. Eu certamente mergulho neles e sinto toda a intensidade necessária. Infelizmente eles desenvolvem muito mal a personagem. No livro ela é incrível, pra melhor e pra pior. Suavizaram muito no filme. Pelo menos não escalaram uma Evangeline Lilly pro papel (piada interna).

4 respostas a Crítica Literária – The Lovely Bones

  1. Rafinha diz:

    Que bom que gostou do livro amore. But then again, I knew you would. E vendo meu top 5 pr’e filme lembrei de como fiquei decepcionada com o resultado final do Peter Jackson. O elenco era (quase) todo maravilhoso, mas foi mal aproveitado e s’o arranhou a superfície daqueles personagens tao complexos e humanos.

    Recomedo a todos que leiam o livro antes pra poder aproveitar todo o potencial da história. Ainda que imaginem a Saoirse como Susie Salmon😉.

  2. Rafinha diz:

    Ah sim, sensacional o comentário final!!! Morri de rir. Very cleaver, my friend.

  3. Marcella diz:

    Nossa esse filme foi o do ano de 2009.A atriz principal do filme arrasou nesse papel,deveria ser muito tenso alguem ta do outro lado e tentando explicar o que aconteceu,realmente com ela nossa a unica coisa que eu tenho pra dizer é que ela foi uma pessoa muito exemplar nesse filme !!!
    Por que mostra o que acontece na vida real de estrupamento e tal. “mas é só uma histoia ” igual as cronicas de narnia 1,2 e 3 são as ultimas reliquias por que sao 30.Já pensou passar tudo em um filme igual a esse !!! naum daria não é!!

    beijo pessoal:Marcella que nao se da mal!!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: